quarta-feira, 6 de maio de 2009

DÚVIDAS - TERMOS - DEFINIÇÕES

INCOTERMS - ASPECTO FULCRAL NO COMÉRCIO INTERNACIONAL
-----
Os Incoterms estabelecem um conjunto de regras internacionais para a interpretação de termos comerciais relactivos aos contratos de compra e venda de mercadorias, delimitando os direitos e as obrigações das partes interessadas no que respeita a entrega das mercadorias.
Os Incoterms regulam diversos aspectos:
@ A entrega da mercadoria - não confundir a entrega com a posse.
@ Momento de transmissão dos riscos sobre a mercadoria entre o vendedor e o comprador.
@ Distribuição dos custos inerentes à importação/exportação.
@ procedimentos aduaneiros e respectivos documentos

2 comentários:

Ralf disse...

José meu grande respeito!
Mas quem em Portugal -além do meu amigo- quer saber?
Portugal ainda não assinou o UN Convention of Contracts:http://www.cisg.law.pace.edu/cisg/countries/cntries.html
Exemplo:
um comprador alemão na Alemanha compra pelo telefone uma lata de peixe em Leça....
A confirmação depois (escrita) diz: "no caso de problemas: tribunal Hamburgo"
Então caro amigo José ?
Tribunal alemão...mas que leis???
estas a ver?
quem compra em Portugal está protegido pior do que em Gabun/Africa.
abraço
Ralf

Ralf disse...

José, you are the lucky one!
As leis internacionais do Sea Freight são uma outra coisa.
Provavelmente tambem as leis das "made by order".
Neste caso "o produto" não é propriamente dito: "portugues" e consequentamente o cliente não é "comprador" a não ser "comprador de um serviço" (embalar sardinhas.
A "produtividade" embalar (em nome de outros) e produzir (embalar e conhecer as leis)é sempre a mesma.
Mas no primeiro caso Portugueses não ganham.......

Sempre quando oiço/leio alguem falar mal da "produtividade dos trabalhadores portugueses" fico com raiva.
Os patrões não querem trabalho!!!
abraço
Ralf

Arquivo do blogue

PORTO DE LEIXÕES

PORTO DE LEIXÕES