quinta-feira, 25 de fevereiro de 2010

PORTO DO FUNCHAL - NOTICIAS


Estreia do Vision of the Seas no Funchal.
27-04-2009

---


Faça clique na imagem para aumentar.
(©) Images Copyrights; Imagem com direitos: Sergio Ferreira, Funchal.

---
Porto do Funchal em dragagens até final de fevereiro


Os trabalhos de dragagem do porto do Funchal decorrem desde o passado dia 15 de janeiro, estimando-se que fiquem concluídos até ao final deste mês, garantindo melhores fundos nas diferentes zonas de acostagem.
O mau tempo que assolou a Região no início do ano levou a que a Administração dos Portos da Madeira (APRAM) tivesse de protelar para a segunda quinzena de janeiro o arranque dos trabalhos, que se deviam ter iniciado a 4 de janeiro, para o dia 15. A CARGO não conseguiu apurar em tempo útil se a tragédia que se abateu há cinco dias na Região atrasará a conclusão dos trabalhos de dragagem.
Trata-se de dragar de cerca de 12.000 m3 de diferentes materiais, entre os quais lamas, areias e pedras. O desassoreamento ao longo do cais Norte bem como da rampa ro/ro, onde atracam os navios ferry, será feito até aos oito metros de fundo. Os trabalhos em curso estão a ser efetuados pela draga 'Bisonte' e com o apoio do rebocador 'Madeira', contando ainda com a lancha 'Caniçal' que presta auxílio nas manobras de mar. Estes meios náuticos pertencem à empresa 'Somague', entidade a quem a APRAM adjudicou os trabalhos. Quanto ao destino que está a ser dados aos materiais recolhidos, os mesmos estão a ser lançados novamente no mar, a cerca de duas milhas náuticas da costa Sul do Funchal.

Fonte: Cargo News


Depois da catástrofe Natural que vitimou a Madeira e as suas gentes, o maior apoio que todos nós podemos dar aos Madeirenses é dizer-lhes FORÇA Madeira volta a SORRIR.


A toda a Comunidade Internacional o meu apelo: VIAGEM PARA A MADEIRA.


2 comentários:

César disse...

Caro José Modesto,
bom post,é verdade,a tragédia que ocorreu na Madeira é das coisas mais tristes dos últimos tempos.
Agora,em relação ao futuro da Madeira,tenho a certeza que em relação ao turismo está salvaguardado.
O que vai ser mais duro,é a reconstrução,vai ser preciso muita força fisica,psicológica e... finaceira.
A todos os Madeirenses,e em especial a quem perdeu os seus familiares,os meus sinceros pêsamos.Força Madeira!

Farinha disse...

Caro amigo José Modesto.
Este artigo da Cargo News foi oportunamente publicado no seu Blogue.
Evidentemente que a Ribeira de São João lançou na Bacia do Porto do Funchal milhares de toneladas de inertes. Ainda por cima aquando da construção apressada da Marina do Funchal a foz foi desviada na direcção do interior do porto o que na minha modesta opinião deverá ser corrigida, sendo necessário para o efeito alterar ou desactivar a actual Marina, aliás sou absolutamente favorável à construção de uma nova e maior Marina no lado Leste do Cais da Cidade, e que permitira além da correcção da foz da ribeira, o prolongamento necessário e desejável do Cais Norte até a extremidade do Cais da Cidade, permitindo o atraque de mais um navio de grande porte no Porto do Funchal.
Quanto à dragagem que efectuam desde 15 de Janeiro, evidentemente que os trabalhos prolongar-se-ão por muito tempo, porque utilizam a limitada draga "Bisonte", muita lenta para a função.
Há mais anos, era utilizada uma draga da própria autoridade portuária "Eng. Sena Lino" muito mais eficaz na medida que era carregada com um guindaste, mas para descarregar ao largo, o fundo da draga abria, libertando rapidamente os inertes. No caso da "Bisonte", é carregada com giundaste, e a descarga com o mesmo processo "arcaico" o que torna efectivamente lenta a operação, considerando tal situação ridícula para a real situação do assoreamento do Porto do Funchal.
Um abraço
Paulo Farinha

Arquivo do blogue

PORTO DE LEIXÕES

PORTO DE LEIXÕES