sábado, 13 de março de 2010

LEÇA DA PALMEIRA 15



Em Leça da Palmeira, predomina o sector terciário, secundário e primário, por esta ordem de grandeza na actividade económica local.

Em Leça da Palmeira, o sector secundário surgiu ligado à indústria conserveira, implantada nesta região devido à proximidade do Porto de Leixões. Posteriormente, conheceu um incremento considerável com o aparecimento da Fábrica de Tubos FACAR, que empregou algumas centenas de pessoas, não resistindo às alterações laborais e de mercado introduzidas com o 25 de Abril de 1974 esta unidade fabril entrou em decadência, acabando por encerrar no inicio da década 80. A grande evolução industrial da freguesia está ligado à PETROGAL, empresa do ramo petrolífero que emprega actualmente cerca de duas mil pessoas.




A existência do PORTO DE LEIXÕES e o aparecimento da EXPONOR, em 1987, tornaram-se nas duas grandes infra-estruturas da freguesia responsáveis pelo crescimento do sector terciário.


O primeiro favoreceu o aparecimento de inúmeras empresas de ligados à actividade de transporte terrestre de longo curso, transporte marítimo, e de agentes aduaneiros, enquanto que o segundo levou à instalação de várias instituições bancárias e dinamizou, indirectamente, o aparecimento de inúmeros serviços e actividades industriais à sua volta.

3 comentários:

César disse...

Bom,nem sabia que a Exponor tinha sido em 1987.Pensei que era mais recente,mas de qualquer maneira espero que ambas se mantem em "grande"!

JOSÉ MODESTO disse...

Olá Amigo César, está mau, durante este mês prevê-se que a Exponor envie bastante funcionários para o desemprego.
Não é fácil não está fácil.

Portugal está mergulhado num pessimismo que só a mudança nos fará sentir melhor.

Saudações Marítimas
José Modesto

César disse...

Meu amigo,essa parte é que é pior.Mas cada vez está acontecendo mais.Não sei para onde caminhamos.

Arquivo do blogue

PORTO DE LEIXÕES

PORTO DE LEIXÕES